Weather (state,county)

Notícias de Última Hora

“Me sinto preparado”, diz Kael sobre ser prefeito de Cícero Dantas.


 
Reprodução / Instagram

O pré-candidato a prefeito de Cícero Dantas pelo grupo dos Jacus, Kael Xavier (PSD), concedeu entrevista na manhã desta terça-feira (30), ao Programa Tribuna Livre, da Rádio Regional e falou sobre o desafio de disputar as próximas eleições municipais.

Kael, que é empresário, nunca chegou a participar de uma eleição como candidato ou a ocupar um cargo público eletivo, mas não considera isso um empecilho para realizar uma boa administração do município: “Eu não vou falar que já fiz parte de uma secretária, de uma gestão pública. Sempre fui comerciante, mas me sinto preparado sim. 


Tenho certeza que vou ter pessoas preparadas do meu lado, como ex-prefeito Weldon, e o pré-candidato a vice prefeito Nininho, que é um cara que entende da saúde. Sei onde falar não ou sim. Vou fazer uma administração com pessoas capacitadas, e de Cícero Dantas.”

Durante a entrevista, Kael ainda falou sobre o que motivou a sua saída da base de apoio ao prefeito Ricardo Almeida (PP): “Teve alguns problemas dentro do grupo, compromissos políticos que ele (Prefeito Ricardo) fez comigo e não cumpriu, me senti escanteado. Muitas pessoas ligadas a ele falaram que ele ganhou a eleição por méritos dele e eu não ajudei em nada, então a cada dia eu fui me decepcionando, aí veio o problema que todo mundo sabe, da suspensão do alvará do meu posto”.

O vereador Nininho, pré-candidato a vice-prefeito ao lado de Kael, também participou da entrevista à Rádio Regional e criticou a atual gestão do município nas áreas de finanças e investimentos: “O prefeito recebeu recursos na ordem de R$ 220 milhões durante esses três anos e seis meses e praticamente não temos obra nenhuma com recursos próprios. Se você pegar essa praça ao lado da rádio foi recurso federal, aquela descendo o calçadão, recurso federal. Sabe onde está sendo aplicado esses 220 milhões, praticamente? Em folhas de pagamento. Nós estamos aqui em uma cidade que está recebendo do mês de janeiro até agora, em média, R$ 4 milhões e 200 mil de receita e tá gastando com folha, somente em abril, R$ 3 milhões e 700 mil”.

Redação de Sertão em Pauta.

Nenhum comentário